FENAUD debate o fortalecimento do Controle Interno com servidores da CONTROL RN

O presidente da Federação Nacional dos Auditores de Controle Interno Público (FENAUD), Rudinei Marques, se reuniu com os servidores da Controladoria Geral do Estado do Rio Grande do Norte (CONTROL RN) nesta segunda-feira, 20 de setembro, para debater o fortalecimento do Controle Interno e os atuais desafios do serviço público.

Para iniciar a conversa, Marques falou sobre o histórico, o esforço conjunto que resultou na constituição da FENAUD, em julho de 2020, e a missão da entidade de atuar em prol da eficiência e da efetividade do Controle Interno Público no Brasil.

“Neste momento, nós estamos trabalhando na elaboração de um diagnóstico do controle interno brasileiro, em termos de nomenclatura, atribuições, prerrogativas, remuneração, se existe ou não carreira própria, se os servidores são efetivos ou não. Esse levantamento será fundamental para que possamos buscar a padronização das estruturas de controle interno em todo o país”, afirmou o presidente da FENAUD.

No que diz respeito ao trabalho que vem sendo desenvolvido, Marques ressaltou a realização do “Seminário Gestão de Desempenho no Setor Público”, em julho, e do “Seminário Internacional de Enfrentamento à Corrupção”, em abril. Ambas as iniciativas, desenvolvidas em parceria com outras entidades representativas, com foco na qualificação do debate público. Ele também destacou a participação ativa da FENAUD nas discussões sobre a Proposta de Emenda à Constituição 32/2020, da reforma administrativa, em pauta no Congresso Nacional.

“Estivemos na Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania e na Comissão Especial que analisa a proposta e levamos aos relatores subsídios que culminaram em melhorias significativas em relação ao texto original. No entanto, restam ainda retrocessos que precisam ser combatidos”, avaliou, ao pontuar a necessidade dos servidores estarem atentos e mobilizados em defesa do serviço público.

Por fim, o presidente convidou os servidores a se organizarem e se unirem à Federação.

Compartilhe

Share on whatsapp
Share on print
Share on email
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram

Leia também